Menu easyJet Logo

A nossa parceria “Change for Good” com a UNICEF

Juntos, angariámos mais de

10 milhões de libras para as crianças

Graças ao incrível apoio dos nossos passageiros e funcionários, a parceria "Change for Good" entre a easyJet e a UNICEF, já angariou mais de 10 milhões de libras, ajudando a proteger milhões de crianças em todo o mundo contra doenças e em situações de emergência.

A easyJet apoia o trabalho da UNICEF para proteger as crianças contra a pólio e ajudar a erradicar esta doença devastadora de uma vez por todas. Durante as nossas acções de angariação a bordo, os passageiros podem fazer um donativo e ajudar a criar um mundo seguro para todas as crianças.



Proteger as crianças contra a pólio


Milhões de crianças em todo o mundo estão em risco de contrair pólio –uma doença altamente contagiosa que pode levar à paralisia para o resto da vida. Não existe cura para a pólio, mas existe uma vacina segura e eficaz.

Em 1988, registavam-se casos de pólio em 125 países. Hoje em dia, graças a programas de imunização de sucesso, como os financiados pela parceria "Change for Good" entre a easyJet e a UNICEF, a poliomielite é endémica em apenas três países: o Paquistão, o Afeganistão e a Nigéria.

O mundo nunca teve uma oportunidade melhor para erradicar a pólio, mas enquanto a doença existir, as crianças em todo o mundo permanecem em risco.

Ao efectuar um donativo para a UNICEF, pode ajudar proteger ainda mais crianças contra a pólio.


Mudar o mundo para as crianças


Graças ao apoio dos passageiros e funcionários da easyJet, a parceria "Change for Good" já teve um impacto extraordinário. Os donativos angariados ajudaram a UNICEF a atingir os seguintes resultados para as crianças:
  • Vacinar mais de 19 milhões de crianças contra a pólio
  • Vacinar 5,3 milhões de mães e bebés contra doenças potencialmente  mortais
  • Proteger 4,8 milhões de crianças contra a cegueira, através de suplementos de vitamina A
  • Manter as crianças protegidas em situações de emergência, tais como o terramoto no Nepal, a crise do Ébola, o Furacão Haiyan nas Filipinas, e a crise na Síria e a região em redor


Obrigado pela sua ajuda.


© UNICEF/UNI85764/Holtz